Como a Psicologia pode te ajudar

Por Renan Sar­gi­a­ni

Você já se per­gun­tou como um psi­có­lo­go pode te aju­dar? Mui­tas pes­so­as pen­sam que a Psi­co­lo­gia ser­ve ape­nas para o tra­ta­men­to de doen­ças men­tais. Outras pes­so­as pen­sam que a Psi­co­lo­gia é mui­to com­ple­xa e só pode ser enten­di­da por alu­nos de psi­co­lo­gia, pro­fes­so­res e tera­peu­tas.

Mas, a ver­da­de é que a Psi­co­lo­gia é para todos! A Psi­co­lo­gia é o estu­do cien­tí­fi­co da men­te e do com­por­ta­men­to huma­no. Assim, a Psi­co­lo­gia é ao mes­mo tem­po uma ciên­cia e uma pro­fis­são. Os Psi­có­lo­gos tra­ba­lham em mui­tas áre­as dife­ren­tes da soci­e­da­de e estão pre­o­cu­pa­dos com mui­tos pro­ble­mas prá­ti­cos do nos­so quo­ti­di­a­no.

Embo­ra os conhe­ci­men­tos pro­du­zi­dos em uma ciên­cia nem sem­pre sejam fáceis de serem enten­di­dos pelo públi­co em geral, os resul­ta­dos das expe­ri­ên­ci­as e estu­dos cien­tí­fi­cos podem ter mui­tas con­tri­bui­ções impor­tan­tes para nos­sa vida quo­ti­di­a­na.

Por isso, os psi­có­lo­gos se esfor­çam para usar esses conhe­ci­men­tos cien­tí­fi­cos e aju­dar pes­so­as na melho­ria de suas vidas nos mais dife­ren­tes aspec­tos.

Abai­xo estão ape­nas alguns exem­plos de áre­as que a Psi­co­lo­gia podem te aju­dar:

Pro­mo­ção da Saú­de e do Bem-Estar
Os Psi­có­lo­gos aju­dam dia­ri­a­men­te mui­tas pes­so­as de todas as ida­des e com todos os tipos de pro­ble­mas que bus­cam os conhe­ci­men­tos da Psi­co­lo­gia para aju­dá-las a terem uma melhor saú­de men­tal ou a se auto­co­nhe­ce­rem.

Algu­mas pes­so­as têm pro­ble­mas de saú­de, emo­ci­o­nais ou men­tais espe­cí­fi­cos, como depres­são ou esqui­zo­fre­nia. Outras pes­so­as têm difi­cul­da­des com a orga­ni­za­ção do seu pen­sa­men­to, de lin­gua­gem ou memó­ria o que tam­bém são conhe­ci­dos como “pro­ble­mas cog­ni­ti­vos”. Estes podem assu­mir mui­tas for­mas, tais como pro­ble­mas de memó­ria ou per­cep­ção depois de um feri­men­to na cabe­ça ou con­gê­ni­tos, difi­cul­da­des de apren­di­za­gem ou demên­cia.

Essas são só alguns dos temas em que os psi­có­lo­gos tra­ba­lham, pois há mui­tas mais áre­as da vida em que um psi­có­lo­go pode aju­dar que nem sem­pre são rela­ci­o­na­dos a saú­de men­tal, mas sim a saú­de em geral. Psi­có­lo­gos podem aju­dar as pes­so­as a gerir melhor suas vidas e lidar com outras con­di­ções de saú­de como o HIV, cân­cer ou doen­ças crô­ni­cas. Psi­có­lo­gos tam­bém podem aju­dar no acon­se­lha­men­to sobre como cui­dar de uma cri­an­ça que foi abu­sa­da psi­co­lo­gi­ca­men­te, fisi­ca­men­te ou sexu­al­men­te. Os Psi­có­lo­gos podem ain­da tra­ba­lhar com casais que estão bus­can­do aju­da em seus rela­ci­o­na­men­tos.

Seja qual for o pro­ble­ma, o psi­có­lo­go vai con­si­de­rar o que dizem as pes­qui­sas cien­tí­fi­cas sobre a sua cau­sa pro­vá­vel e usar esse conhe­ci­men­to para aju­dar as pes­so­as. Algu­mas vezes a aju­da inclui ses­sões de psi­co­te­ra­pia ou de acon­se­lha­men­to psi­co­ló­gi­co. Outras vezes o psi­có­lo­go pode tra­ba­lhar com pro­gra­mas psi­co­e­du­ca­ci­o­nais, na ela­bo­ra­ção de pro­je­tos que pro­mo­vam a saú­de, tra­ba­lhar em equi­pes com outros pro­fis­si­o­nais de saú­de ou fazer enca­mi­nha­men­tos para pro­fis­si­o­nais que pos­sam auxi­li­ar nos pro­ble­mas espe­cí­fi­cos.

Poten­ci­a­li­zar o desen­vol­vi­men­to e a apren­di­za­gem das cri­an­ças em casa e na esco­la
Os Psi­có­lo­gos estu­dam o desen­vol­vi­men­to huma­no des­de a ges­ta­ção até a mor­te em seus aspec­tos cog­ni­ti­vos, com­por­ta­men­tais e emo­ci­o­nais, além de estu­da­rem pro­ces­sos de ensi­no e de apren­di­za­gem e con­tri­bui­rem para a ava­li­a­ção e ela­bo­ra­ção de méto­dos de ensi­no.

Assim, se uma cri­an­ça, ado­les­cen­te ou até mes­mo um adul­to têm pro­ble­mas ou difi­cul­da­des na apren­di­za­gem de algu­ma coi­sa, os Psi­có­lo­gos podem aju­dar na iden­ti­fi­ca­ção das razões para essas difi­cul­da­des e con­tri­buir para a melho­ria des­sas difi­cul­da­des.

Psi­có­lo­gos tam­bém podem ofe­re­cer ori­en­ta­ções sobre como melho­rar a apren­di­za­gem e o desen­vol­vi­men­to das cri­an­ças, auxi­li­ar na for­ma como pais e pro­fes­so­res esti­mu­lam o desen­vol­vi­men­to infan­til e faci­li­ta­rem a cri­a­ção de con­di­ções ide­ais para o desen­vol­vi­men­to e a apren­di­za­gem sau­dá­vel.

Os psi­có­lo­gos tam­bém podem aju­dar pes­so­as com defi­ci­ên­ci­as físi­cas ou men­tais a melho­rar o seu desem­pe­nho e se adap­tar ao tra­ba­lho ou esco­la, bem como tam­bém podem con­tri­buir para adap­tar esses locais as neces­si­da­des das pes­so­as com defi­cên­cia.

Con­tri­buir para a moti­va­ção no tra­ba­lho, ori­en­ta­ção pro­fis­si­o­nal e ges­tão de empre­sas

Às vezes pare­ce que exis­tem milha­res de livros, blogs e arti­gos de revis­tas nos dizen­do como fazer mais coi­sas duran­te o dia, mas quan­tos des­ses con­se­lhos se basei­am em pes­qui­sas de ver­da­de e podem real­men­te te aju­dar?

Os psi­có­lo­gos se basei­am em conhe­ci­men­tos cien­tí­fi­cos para esco­lher as melho­res for­mas de aju­dar as pes­so­as a se tor­na­rem mais pro­du­ti­vas e fazer esco­lhas mais acer­ta­das.

Mui­tas das vezes as pes­so­as têm dúvi­das sobre que car­rei­ra seguir ou qual a facul­da­de esco­lher, outras vezes pro­fis­si­o­nais que­rem modi­fi­car suas car­rei­ras e seguir novos desa­fi­os pro­fis­si­o­nais. Os psi­có­lo­gos podem usar os conhe­ci­men­tos da Psi­co­lo­gia para a ori­en­ta­ção pro­fis­si­o­nal e de car­rei­ra.

Psi­có­lo­gos tam­bém podem aju­dar ges­to­res de empre­sas a orga­ni­zar seus ambi­en­tes de tra­ba­lho, sele­ci­o­nar, recru­tar e trei­nar os fun­ci­o­ná­ri­os. Os Psi­có­lo­gos podem aju­dar as empre­sas a iden­ti­fi­ca­rem pro­ble­mas na empre­sa, a melho­rar as con­di­ções de vida dos pro­fis­si­o­nais e poten­ci­a­li­zar a moti­va­ção no tra­ba­lho.

Os Psi­có­lo­gos aju­dam a melho­rar o nos­so dia a dia
Mui­tos dos desa­fi­os que enfren­ta­mos na nos­sa vida quo­ti­di­a­na podem ser faci­li­ta­dos com a aju­da de psi­có­lo­gos. Embo­ra a saú­de men­tal este­ja mais facil­men­te asso­ci­a­da com a ima­gem dos psi­có­lo­gos, a Psi­co­lo­gia aju­da em todos os aspec­tos da nos­sa vida e você encon­tra­rá psi­có­lo­gos nas mais dife­ren­tes áre­as da sua vida. Em resu­mo, os psi­có­lo­gos podem te aju­dar em mui­tas áre­as da nos­sa vida como, por exem­plo:

Aju­dar as pes­so­as a supe­rar a depres­são, stress, trau­ma ou fobi­as;
Aju­dar pes­so­as a esta­be­le­cer e cum­prir suas metas como parar de fumar, per­der peso, apren­der uma nova lín­gua.
Aju­dar cri­an­ças e ado­les­cen­tes a lida­rem com os efei­tos do divór­cio dos pais;
Ace­le­rar na recu­pe­ra­ção de pes­so­as com lesões cere­brais;
Aju­dar a parar ou pre­ve­nir o bullying na esco­la ou no local de tra­ba­lho;
Garan­tir que alu­nos e estu­dan­tes estão sen­do ensi­na­dos de for­ma mais efi­caz;
Ori­en­tar pais e mães sobre o desen­vol­vi­men­to de seus filhos;
Cer­ti­fi­car-se de que as pes­so­as estão feli­zes no ambi­en­te de tra­ba­lho e con­tri­buir para que elas rea­li­zem o melhor de suas habi­li­da­des;
Aju­dar a polí­cia, tri­bu­nais e ser­vi­ços pri­si­o­nais a enten­der a men­te de cri­mi­no­sos, as pro­vas e os limi­tes de deter­mi­na­dos tipos de pro­vas ou tes­te­mu­nhos.
Aju­dar os atle­tas e espor­tis­tas para melho­ra o desem­pe­nho e a moti­va­ção em suas ati­vi­da­des.
Aju­dar a fazer deci­sões finan­cei­ras mais sábi­as;
Apren­der a se comu­ni­car melhor e supe­rar medo de falar em públi­co
Melho­rar sua memó­ria e aju­dar a se con­cen­trar mais;
Tor­nar-se mais pro­du­ti­vo e evi­tar a pro­cras­ti­na­ção;
Apren­der a com­pre­en­der melhor os outros e ava­li­ar cui­da­do­sa­men­te suas pró­pri­as rea­ções emo­ci­o­nais.
Fon­te: www.psicologiaexplica.com.br/